Clique Notícias - A Notícia em 1 Clique!

Sorriso: Servidora e médico são afastados de Hospital

O afastamento é uma punição em retaliação ao desabafo que caiu na Imprensa.

23 Mai 2017 às 19:33
Catia Alves/Circuito MT

A servidora Lígia Souza Leite e o médico Roberto Satoshi que denunciaram os problemas vividos pelo Hospital Regional de Sorriso foram afastados dos cargos na diretoria  da unidade, nesta terça-feira (23).

Segundo os servidores, no hospital, há falta de medicamentos e outros insumos, como o gás de cozinha, que está quase no fim. Além disso, segundo o relato, a falta de alguns materiais podem culminar na morte de quem está internado. Roberto Satoshi chegou a chorar em entrevista a imprensa local, quando assumiu o temor pela morte de pacientes, nesta segunda-feira (22).

Segundo informações do site Portal Sorriso MT, que procurou o médico após anuncio de sua saída, o mesmo informou que apesar de sair da diretoria, continuará no quadro clínico do hospital, onde é concursado.

Além dele, Lígia, que ocupou até hoje a função de diretora da unidade médica, foi afastada. “Eu quero agradecer a oportunidade e dizer para a pessoa que vai assumir o hospital regional: muita sorte, muita oração, muita perseverança. Mas eu acredito que fiz o meu melhor. Vou continuar dentro do hospital. Sou enfermeira de carreira, continuarei ali e continuarei pontuando todas as falhas, seja deste governo ou de qualquer outro”, disse ao site.

Conforme o programa Cidade Alerta apurou, a enfermeira Luciele Benin funcionária pública desde 2003, assumirá o cargo de diretora do Hospital Regional de Sorriso. “Ontem, fui convidada a assumir esse desafio, que é a direção”. A informação não foi confirmada pela SES. 

Ainda não se sabe quem assumirá o cargo da diretoria-técnica do hospital.

No momento, cerca de 70 médicos, anestesistas e demais integrantes da equipe de saúde estão sem salários há 3 meses. Por isso, não estão trabalhando integralmente, fato que interrompeu em 100% internações e cirurgias agendadas. Só são operados pacientes graves e mantidos internados os que realmente não podem receber alta.

Outro lado

De acordo com a secretária adjunta de Serviços de Saúde, Inês de Souza Leite Sukert, não procede a informação de que o atual diretor clínico do hospital, Roberto Satoshi Yoshida, teria sido afastado das funções.

A adjunta está em Sorriso para fazer um diagnóstico da situação do Hospital Regional local e preparar um plano de ação para manter a unidade funcionando.

Durante a audiência pública, a representante da SES-MT afirmou que foi surpreendida pelo pedido de demissão feito pela diretora regional do Hospital, Lígia Souza Leite. No período da tarde, a secretária informou que o Hospital terá nova direção a partir desta quarta-feira, dia 24. Trata-se da enfermeira Luciene Fernanda Benin, que é servidora de carreira da secretaria de Estado de Saúde e que reside em Sorriso e já trabalhou no Hospital Regional.

A secretária adjunta esclareceu que a nova diretora Luciene Benin é quem vai definir a equipe de trabalho a partir desta semana.


Alta Floresta realizará a 1ª Feira de Turismo da Amazônia mato-grossense

O município de Alta Floresta se prepara para a realização da 1ª FEITAM - Feira...

Vídeos [tvnativa.com.br]

Indeco doa terreno para construção de presidio em Alta Floresta

Moradores de Nova Guarita pedem reconstrução de ponte em rodovia estadual

Grave acidente na MT-208 mata motociclista

Dia do Índio: Localizador de povos indígenas fala sobre documentário

Veja mais [ver todas]

Gerais | 01 de Outubro de 2019 às 11h44min

Menina de 12 anos atira em homem que tentava entrar no sítio da família em MT

Segundo a polícia, o homem era garimpeiro e trabalhava nos fundos do sítio onde a menina mora. Ele disse que era amigo...

Gerais | 01 de Julho de 2019 às 11h28min

Professores e servidores se reúnem hoje (01) e greve deve ser mantida

O Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público (Sintep) confirmou a realização de uma nova assembleia geral nesta...

Gerais | 01 de Julho de 2019 às 10h40min

Irmãos constroem avião artesanal com motor de Fusca em cidade de Mato Grosso

O avião artesanal foi projetado pelos irmãos Paulo Henrique Sá Ribeiro, 19 anos, e Claudemir Sá Ribeiro, 20, que...

Polícia | 01 de Julho de 2019 às 10h19min

Após queda de avião, mais de R$4 milhões são aprendidos em Alta Floresta

 Uma quantia de R$ 4,679.000,00 (quatro milhões, seiscentos e setenta e nove mil reais) foi apreendida pela Policia...

Gerais | 01 de Julho de 2019 às 10h08min

Alta Floresta realizará a 1ª Feira de Turismo da Amazônia mato-grossense

O município de Alta Floresta se prepara para a realização da 1ª FEITAM - Feira de Turismo da Amazônia mato-grossense...

Veja mais
Mais lidas