Clique Notícias - A Notícia em 1 Clique!
Dólar Hoje Dólar Hoje

°

Deputado Romoaldo nega ter recebido propina do Detran

Investigado e interrogado pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) por suspeita de envolvimento no esquema de propina no...

04 Abr 2018 às 09:20
www.gazetadigital.com.br

Investigado e interrogado pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) por suspeita de envolvimento no esquema de propina no Departamento Estadual de Trânsito (Detran), o deputado estadual Romoaldo Júnior (MDB) admitiu que seu chefe de gabinete Valdemir Leite da Silva recebeu um cheque de R$ 33 mil assinado pelo empreiteiro Rafael Yamada, filho do também empreiteiro Wanderley Torres Fachetti, dono da Trimec.

Segundo ele, no ano de 2013, o cheque chegou até seu funcionário, mas nega a versão de Valdemir de que o dinheiro tenha sido usado para pagar suas contas. "Esse cheque não chegou até mim, até porque nessa semana do dia 12,13, eu viajei pra casa da minha mãe. Eu não tive nenhum contato com ele", disse aos jornalistas que acompanharam sua ida ao Gaeco.

O deputado negou conhecer os donos das empresas Santos Treinamentos e FDL Serviços (atual EIG Mercados), investigadas na operação Bereré. Romoaldo levou para os promotores do caso uma procuração que comprova que Valdemir tinha acesso e autorização para movimentar sua conta bancária. Mas nega acreditar que o funcionário tenha usado sua conta de forma indevida. Ele alega até mesmo que conversou com Rafael Yamada, que afirmou a ele não ter emitido o cheque em seu favor.

Quem também compareceu nesta tarde para prestar depoimento foi o ex-chefe de gabinete do ex-governador Silval Barbosa, Silvio César Corrêa Araújo, que se recusou a falar com a imprensa, tanto na chegada quanto na saída do Ministério Público Estadual (MPE).

O advogado dele, Victor Borges, afirmou que seu cliente reafirmou o que havia delatado ao Ministério Público Federal (MPF), no ano passado, a respeito das tratativas entre a empresa FDL Serviços, que executa registro de gravame no Detran e políticos ligados à autarquia para pagamento de propina. Ele negou que Sílvio tenha sido beneficiado financeiramente neste esquema.  

Na quarta-feira (4), estão previstas as inquirições do deputado estadual Wilson Santos (PSDB) e do ex-servidor do Detran Dauton Luiz Santos Vasconcelos. Na tarde desta terça-feira, o advogado de Wilson, Luciano rosa, esteve no Gaeco para buscar cópias dos autos e tomar conhecimento da investigação.


26 deputados investigados em diferentes esquemas disputam eleições em MT

Dos 20 deputados estaduais que buscam a reeleição, todos já tiveram os nomes...

Vídeos [tvnativa.com.br]

Indeco doa terreno para construção de presidio em Alta Floresta

Moradores de Nova Guarita pedem reconstrução de ponte em rodovia estadual

Grave acidente na MT-208 mata motociclista

Dia do Índio: Localizador de povos indígenas fala sobre documentário

Veja mais [ver todas]

MEMBROS DE FACCÃO CRIMINOSA | 04 de Dezembro de 2018 às 09h02min

Quase meio tonelada de maconha é apreendida em Sinop

Polícia flagrou a entrega de parte da droga às margens da MT-140

OPERAÇÃO SANGRIA | 04 de Dezembro de 2018 às 08h47min

Defaz deflagra operação contra envolvidos em fraudes na prestação de serviços hospitalar

A informação é que pelo menos 30 mandados estão sendo cumpridos na manhã desta terça-feira (04).

Gerais | 14 de Setembro de 2018 às 08h24min

Mais de 40 municípios do Mato Grosso não atingiram meta de vacinação contra pólio e...

Campanha nacional de vacinação termina hoje, sexta-feira (14)

Gerais | 14 de Setembro de 2018 às 08h06min

Solidariedade: Rota 2018 promove reunião musical em prol ao artista Paulo Paulinho

O artista está passando por tratamento médico

Esportes | 14 de Setembro de 2018 às 08h03min

Superação: Tenista altaflorestense é campeão da 9ª etapa do estadual

Julio foi campeão na categoria 16 anos e vibrou com a conquista

Veja mais
Mais lidas